Muita gente sabe quem foi Oscar Niemeyer e o quão famoso é o legado que ele deixou. As obras de Niemeyer são referências para diversos arquitetos atuantes e também para aqueles que pretendem entrar no mundo da arquitetura. Isso se deve ao fato dele ser o arquiteto brasileiro mais influente da arquitetura moderna mundial.

Ele ficou marcado pela ousadia nas curvas e por projetar belíssimas construções, que ficaram muito famosas e trazem um valor bastante simbólico para o nosso país.

Quer conhecer um pouquinho das belíssimas obras assinadas por Oscar Niemeyer? Então, continue por aqui e veja as principais construções que ele construiu, bem como um pouquinho da história desse famoso arquiteto. Vamos lá?

Um pouco sobre Niemeyer

obras de niemeyer

Oscar Niemeyer é o arquiteto brasileiro mais famoso mundo. Ele nasceu no Rio de Janeiro, em 15 de dezembro de 1907, e faleceu em 5 de dezembro de 2012, faltando poucos dias para completar 105 anos.

Por meio da sua tão amada profissão, Niemeyer teve uma trajetória brilhante. As suas obras arquitetônicas têm um valor histórico não só para o Brasil, mas para o mundo todo. O arquiteto tinha uma marca registrada, que eram as ousadas curvas que ele imprimia em suas construções.

A maioria dos edifícios projetados por Niemeyer esculpem formas curvilíneas no próprio concreto. No total, são mais de 600 construções assinadas por ele, sendo tanto no Brasil como em várias partes do mundo. Contudo, a mais famosa de todas as obras-primas do arquiteto, com certeza, é a cidade de Brasília, que foi construída nos anos 1950, como um pedido do presidente Juscelino Kubitschek.

As principais obras de Niemeyer

Veja, agora, alguns dos feitos mais importantes da carreira desse grande arquiteto brasileiro. Confira!

Conjunto da Pampulha

obras de niemeyer

A região da Pampulha, localizada em Belo Horizonte, capital do estado de Minas Gerais, é um ponto muito visitado por turistas por contas das belas casas que permeiam a lagoa. Bem como um conjunto arquitetônico de obras construídas por Oscar Niemeyer.

O local foi construído entre os anos de 1942 e 1944, também a pedido de JK, que era prefeito de BH, com o intuito de que a região norte da capital começasse a se desenvolver. Na época, foi pensada a construção de uma igreja, um cassino, uma casa de baile, um hotel e um clube.

Museu de Arte da Pampulha

O Museu é a primeira obra que faz parte do conjunto da Pampulha. Ele foi criado para ser o cassino, que chegou a funcionar até 1946, quando essa prática foi proibida. Entretanto, em 1957, a construção foi transformada no MAP — Museu de Arte da Pampulha. Hoje, ele é composto por mais de 1.400 obras de arte.

Igreja São Francisco de Assis

obras de niemeyer

A famosa Igrejinha da Pampulha foi criada em 1943 e contém um visual muito moderno, que é o grande destaque da construção. Contudo, ela ficou fechada até 1959, porque a sociedade mineira não aceitou uma edificação tão diferenciada como um templo religioso.

Hoje, ela recebe visitantes de todos os lugares e também é usada para a celebração de missas. O interior da igrejinha é tão bonito quanto à construção em si.

Casa do Baile

obras de niemeyer

Já essa construção, na época, foi muito prejudicada por conta do funcionamento do Cassino, que era o ponto de encontro dos jovens. Hoje, a Casa do Baile é um centro de lazer e entretenimento de BH, servindo de referência para Arquitetura, Urbanismo e Design.

Iate Clube

Por fim, o Iate Clube é a última construção que compõe o Conjunto da Pampulha. Foi projetado por Niemeyer em parceria com Burle Marx e Cândito Portinari. É uma obra magnífica, que se assemelha a um barco que se joga nas águas da lagoa. Foi construído para atender à sociedade belo-horizontina da década de 60.

Cidade Administrativa

A Cidade Administrativa, também em Belo Horizonte, é uma das últimas obras feitas por Oscar Niemeyer. Teve sua conclusão em 2010 e é o audacioso centro administrativo do estado de Minas Gerais. São 790 mil m², que conta com um complexo de 5 prédios, além de áreas verdes e dois lagos.

As edificações da Cidade Administrativa contam com as famosas curvas de Niemeyer, que chamam a atenção de todos que passam pela rodovia de Belo Horizonte, que cerca o local.

Sede da ONU

obras de niemeyer

Niemeyer fez parte do grupo de 12 arquitetos que projetaram a sede da ONU em Nova York, a obra aconteceu em 1950. O projeto escolhido do arquiteto foi a praça das Nações Unidas, porém, ele cedeu à pressão do arquiteto francês Le Corbusier e, dessa forma, formou um projeto conjunto.

Congresso Nacional e Edifícios Governamentais

obras de niemeyer

Essas obras foram projetadas na época em que Brasília foi construída. É um dos cartões postais da cidade e uma das construções mais famosas de Niemeyer. O Congresso é formado por duas torres iguais e duas cúpulas em formato de semicírculo, na qual uma delas é invertida.

Os edifícios governamentais também são chamados de “Esplanada dos Ministérios”, onde cada ministério está em um prédio. Eles estão posicionados em série, em que alguns ficam do lado direito e, outros, do esquerdo. Todos ficam próximos do Congresso, estando um pouco mais à frente das edificações.

Museu de Arte Contemporânea de Niterói

obras de niemeyer

O MAC é outra obra de Niemeyer, inaugurada em 1996, e que foi apelidado de “disco voador de Niterói”. É uma construção circular que possibilita, aos visitantes, uma visão panorâmica da orla niteroiense. A ousadia da construção caracteriza o projeto feito pelo arquiteto e causa uma imponente presença no Mirante da Boa Viagem.

Museu Oscar Niemeyer

Esse museu está localizado em Curitiba, sendo dedicado à exposição de Artes Visuais e elementos da Arquitetura, Urbanismo e Design. A construção compreende uma área construída de 35 mil m² e uma expositiva de 17 mil m². Assim, é o maior museu da América Latina.

A sua forma inusitada traz o estilo de Niemeyer, por ser no formato de um olho de concreto e vidro, acima de uma base quadrangular. Por conta disso, também é conhecido como “Museu do Olho” ou “Olho de Niemeyer”.

Por fim, vale ressaltar que cada obra contém um pouco das características que Oscar Niemeyer usava, por isso, elas são tão icônicas e emblemáticas. 

O que achou de saber um pouco mais sobre a história e as obras de Niemeyer? É um assunto muito interessante, não só para quem faz parte do mundo da arquitetura, mas para outras pessoas também. Então, que tal compartilhar este artigo nas redes sociais para mais pessoas o conhecerem?