Trabalhar em pé ou sentado: eis a questão. Muitas coisas mudaram nos ambientes de trabalho, especialmente, o número de horas que os funcionários passam dentro deles, na maioria das vezes, sentados. Dessa mudança surgiu a tendência no mobiliário corporativo conhecida como standing desk

Com as transformações nos hábitos de trabalho e o sedentarismo predominando no estilo de vida de muitas pessoas, o corpo passou a responder com dores crônicas nas costas e nos ombros.

O standing desk, ou seja, trabalhar em pé uma mesa adaptada, passou a ser uma alternativa tanto nos home offices quanto nas estações de trabalho das empresas. 

Trabalhar em pé tem resultados positivos, mas não elimina a posição sentada no trabalho. Continue lendo e saiba tudo sobre standing desk.

O que é standing desk?

O standing desk é um tipo de mesa especial que permite trabalhar em pé de frente para o suporte de maneira confortável. 

As peças tem a altura do tampo ajustável, possibilitando alternar entre trabalhar em pé ou sentado, conforme o necessário. 

As pesquisas sobre os benefícios das standing desk apontam resultados favoráveis como veremos mais adiante. 

Como funciona a standing desk

A standing desk é fabricada em vários modelos e tamanhos diferentes. 

Nos escritórios, por exemplo, o formato pode ser simples ou duplo. Assim, os colegas de equipe podem compartilhar o espaço com conforto. 

A regulagem da altura pode ser feita manualmente, mas os modelos mais atuais vem com a função de regulagem elétrica que não produz quase nenhum ruído. 

Os níveis de altura giram em torno de quatro opções, em geral, permitindo o ajuste que o usuário achar necessário.

As mesas podem ser agrupadas para formar estações de trabalhos mais flexíveis e dinâmicas, proporcionando mais flexibilidade e ergonomia para a equipe.

A estrutura mantém sua funcionalidade com acesso a tomadas por caixa elétrica instaladas na parte interna, mantendo a estética do ambiente e os fios organizados.

mesa-standing-desk-marelli

Mesa com regulagem de altura elétrica UP para ambientes operacionais.

Benefícios da standing desk

Como mencionamos no início do artigo, os estudos que comparam o uso das standing desk com trabalhar sentado são positivos, mas não são taxativos no sentido de que um tipo deve prevalecer sobre o outro.

Confira alguns dos resultados e benefícios apontados por três estudos diferentes:

1. Aumenta o gasto de energia

Um estudo publicado no Journal of Physical Activity and Health avaliou os gastos de energia durante períodos longos sentado, trabalhando em pé e andando.

Um grupo de 74 pessoas foi monitorado com máscaras que mediam o consumo de oxigênio e as calorias consumidas durante atividades como trabalhar no computador, fica em pé, assistir televisão e caminhar na esteira.

Os resultados mostraram que:

  • Sentados trabalhando no computador ou assistindo tv, as pessoas queimavam 80 calorias por hora;
  • Ficando em pé, essa média de gasto calórico aumentou para 88 calorias/hora;
  • Andando, a queima calórica foi muito maior, como era de se esperar, marcando 210 calorias hora.

A diferença não é enorme e nem substitui outras formas de atividades que gerem mais movimento, mas mostram um caminho viável para ter mais qualidade no trabalho com a standing desk.

2. Equilibra o nível de glicemia mais rápido

Dependendo do tipo de alimentação que uma pessoa tem no almoço, por exemplo, o nível de glicemia pode ficar bastante alto. Com frequência, isso é prejudicial para a saúde.

Um estudo mostrou que passar 180 minutos em pé após a refeição diminui o pico de açúcar (glicemia) em 43% em comparação a ficar sentando a mesma quantidade de tempo. 

Nessa mesma linha, outro estudo colheu resultados positivos com a experiência de alternar períodos sentados e na standing desk. 

Alternar a cada 30 minutos durante a jornada de trabalho entre as posições reduziu os picos de açúcar, em média, 11,1%

3. Reduz o surgimento de dores nas costas

Outra vilã dos escritórios que a standing desk ajuda a evitar, de acordo com os estudos, é a dor nas costas. 

Uma pesquisa publicado pelo CDC mostrou que usar a standing desk ajustável (como da foto acima) reduziu a dor nas costas e no pescoço em 54% dos participantes depois de quatro semanas. Em alguns casos, a melhora foi registrada mais rápido, em duas semanas. 

Com as vantagens dos estudos mencionados, ter mesas do tipo standing desk no escritório, pode ajudar na mobilidade da equipe e tornar a rotina de trabalho mais dinâmica. 

alinhamento-postura-standing-desk

Alinhamento de postura sentado, apoiado e em pé | Imagem: Active Rain.

Mas #ficaadica: é importante orientar a adaptação nesse hábito. Não é recomendado passar de uma rotina com longos períodos sentado para outro com uma longa rotina em pé.

Para fazer a transição com equilíbrio, os especialista recomendam is aos poucos. Por exemplo, o funcionário pode começar de 30 a 60 minutos por dia e ir aumentando tempo gradualmente. 

Já usou as standing desk nos seus projetos?

A adaptação ao modelo standing desk vai depender das atividades exercidas pela empresa e essa percepção será fundamental para sugerir ou não essa alternativa nos projetos corporativos que você realizar.

Você está buscando um fornecedor dos móveis responsável e de qualidade para seu projeto corporativo?

Já encontrou dificuldades com outros fornecedores por falta de qualidade, ergonomia e até compromisso com o prazo de entrega de montagem? 

Na Marelli, estamos altamente comprometidos com a satisfação dos nossos clientes.

Com mais de 35 anos no mercado e mais de 30 lojas espalhadas no Brasil e na América do Sul, já comprovamos nossa capacidade em estabelecer relações de confiança a longo prazo com escritórios de arquitetura, designers de interiores e empresários.

Com o diferencial de oferecermos uma solução completa em mobiliário corporativo: assentos, móveis e divisórias piso teto, podemos ser o parceiro que você está procurando para seus projetos de arquitetura corporativa.

Solicite seu Orçamento