Os tipos de madeira para móveis são largamente utilizados na produção de mobília tanto para residências quanto para escritórios. Diversos fatores explicam isso, mas os principais são a resiliência e o custo-benefício que tornam o material bastante atrativo. 

Existem vários nomes de madeiras para móveis e é importante saber identificá-los para escolher a opção ideal para o seu ambiente e que atenda às suas necessidades.

Para ajudar a esclarecer essa questão, preparamos este artigo especialmente para você. 

Vamos explicar o porquê de a madeira ser uma queridinha para a produção de mobiliário em ambientes institucionais e sobre os seis principais tipos de madeira utilizados para a fabricação de móveis, citando as suas vantagens, desvantagens e possíveis aplicações.

No final, falamos ainda sobre o que você deve levar em consideração ao escolher um móvel para o escritório, além da importância da compra ser efetuada em lojas renomadas. Vamos lá? Acompanhe!

6 principais tipos de madeira para móveis

tipos-de-madeira-arquitetura

Agora, vamos falar sobre os seis principais tipos de madeiras para móveis e como você pode aproveitá-los em seu ambiente corporativo. 

1. MDP

O MDP é a sigla para Medium Density Particleboard. Mas, afinal, o que é esse material? 

Esse é um dos tipos de madeira para móveis formado por um painel de partículas com densidade média, com a inserção de três camadas de madeira —  uma mais grossa no meio e duas finas nas extremidades, formando uma espécie de sanduíche.

Essa distribuição aumenta a durabilidade dos mobiliários e permite a fabricação de móveis de qualidade a um baixo custo.

O resultado são peças com uma estética agradável e um visual semelhante a móveis que utilizam madeira maciça. Nos escritórios, recomenda-se a sua utilização em nichos e prateleiras.

2. OSB

O OSB é a sigla para Oriented Strand Board que nada mais é que um painel estrutural que utiliza tiras de madeira de reflorestamento. 

É um dos tipos de madeira para móveis bem resistente e pode ser aplicado em áreas úmidas, como banheiros e cozinhas.

3. Madeira de demolição e reflorestamento

madeira-demolicao-reflorestamento-arquitetura-sustentavel

Nossa sociedade pede cada vez mais engajamento em temas como sustentabilidade e desenvolvimento sustentável. Dessa forma, nada mais justo que inserir nos mobiliários alternativas que vão ao encontro a essas exigências.

Sendo assim, há principalmente dois tipos de madeira para móveis que podem ser utilizadas nesse sentido: de demolição e de reflorestamento. 

A primeira é referente à reciclagem de madeiras que iriam para o lixo e a segunda se refere à madeira proveniente de reflorestamento. 

As suas características variam de acordo com cada material, mas, em geral, apresentam boa durabilidade.

4. Lâminas de madeira natural

Os móveis feitos a partir de lâminas de madeira natural geralmente têm uma combinação de mais de um elemento e a lâmina vem apenas para revestir o material. Essa prática garante qualidade estética e um bom custo-benefício.

5. Madeira maciça

madeira-macica-moveis

A madeira maciça é um dos tipos de madeira para móveis de grande vida útil, de alta resistência e com diversos usos.

Apesar de ser mais utilizada na fabricação de móveis para áreas externas, ela pode ser utilizada para a fabricação de uma mesa de reunião de um ambiente corporativo, por exemplo.

6. Aglomerados

Os aglomerados são um dos tipos de madeira para móveis feitos a partir da junção de partículas de madeira e de resina. 

Durante a sua fabricação, são adicionados elementos que inibem os efeitos da umidade e outros agentes, como mofo e insetos.

Apesar disso, não tem boa resistência e a sua utilização é recomendada para locais de baixa umidade, evitando banheiros, copas e cozinhas.

Por que a madeira é tão utilizada nos projetos de design de interiores?

madeira-design-interiores

A madeira é muito utilizada nos projetos de ambientação de interiores, principalmente em espaços comerciais e institucionais. Entre os fatores que explicam isso, podemos destacar a sua elegância e nobreza, além da variedade e bom custo-benefício.

Dessa forma, os móveis de madeira conseguem cumprir a sua função tanto para atender requisitos estéticos quanto para atender requisitos funcionais e de durabilidade. 

Com a grande diversidade, você pode utilizar os vários tipos de madeira para móveis e um, com certeza, vai combinar com o estilo e a proposta do seu escritório ou empresa do seu cliente.

Como escolher o móvel ideal para um escritório 

Agora que você já sabe quais são os principais tipos de madeira para móveis, vamos falar sobre o que você deve levar em consideração ao comprar móveis de madeira.

– Escolha a melhor madeira para móveis

O primeiro passo é a escolha dos tipos de madeira para móveis. Lembre-se que a madeira deve ser adequada às atividades feitas no local e tem que ser compatível com o resto do ambiente no que se refere a cor e estilo. 

Analise as opções existentes e escolha aquela que mais se adequa aos profissionais que atuam no ambiente, que tenha maior durabilidade, entre outras opções. 

– Leve em consideração os demais mobiliários do espaço

Todo móvel em um espaço só existe dentro de um contexto. Portanto, não se deve pensar na aquisição de um móvel de forma isolada, por mais atrativo que ele possa parecer em uma primeira análise.

Ele deve, além de ser atrativo, estar de acordo com os demais mobiliários e com o restante do espaço, combinando em estilo e formando uma harmonia. 

Para que isso aconteça, recomenda-se que os móveis sejam comprados no mesmo local e sigam o mesmo estilo.

Caso seja uma compra isolada, a recomendação é de que você analise o móvel em relação aos demais mobiliários do espaço e do ambiente, a fim de tomar uma decisão que encaixe no contexto.

– Considere a funcionalidade do espaço

Além de pensar nos demais mobiliários do espaço, você deve levar em consideração a funcionalidade e a ergonomia

Em alguns casos, a mera mudança da disposição dos móveis resolve a questão, mas, em outras ocasiões, deve-se tomar maior cuidado quanto à aquisição de elementos novos para o escritório.

A ergonomia deve ser sempre levada em consideração, a fim de aumentar a qualidade de vida daqueles que utilizam o espaço e, consequentemente, aumentar a sua produtividade.

Importância de comprar móveis de madeira em lojas especializadas

É fundamental que para escolher os melhores móveis disponíveis no mercado, você compre em lojas especializadas em tipos de madeira para móveis. 

As lojas com experiência na produção de móveis de madeira conseguem dar ao produto maior qualidade, tanto de acabamento quando de brilho, cor, conforto e ergonomia.

Sendo assim, conhecer os tipos de madeira para móveis é essencial para fazer a melhor escolha para um escritório ou instituição. 

Além disso, atente à funcionalidade do espaço e procure por empresas especializadas que prezam pela qualidade de seus produtos, oferecendo o melhor para você e seus clientes.

A sua empresa está trabalhando com grandes projetos e precisa de um fornecedor de móveis confiável e de qualidade? Nós sabemos da importância e responsabilidade que você tem com seu cliente!

Com o diferencial de oferecermos uma solução completa em assentos, mobiliário e divisórias piso teto, estamos prontos para atender a demanda do seu cliente de forma diferenciada!

Solicite seu Orçamento Agora! ← 

E conte com a qualidade e tradição de uma empresa que está a mais de 35 anos no mercado e possui mais de 30 lojas pelo Brasil e América do Sul!

Agora que você já conhece os tipos de madeira para móveis, que tal assinar a nossa newsletter e receber mais conteúdos como este?